Empréstimos em Datas Especiais: Compre o Que Você Quer e Precisa

O Natal e o Réveillon acabaram de passar e quem sentiu o drama de ter o bolso apertado na hora de presentear entes queridos, sabe bem o quanto isto é ruim. Mas a boa notícia é que há boas soluções para evitar isto nas próximas datas comemorativas que virão.

emprestimos-em-datas-especiais--compre-o-que-voce-quer-e-precisa

Como empréstimos em datas especiais podem ser ótimas soluções para você comprar o que quer e precisa sem preocupações? Confira nosso post a seguir e entenda!

Por que pensamos em empréstimos em datas especiais?

Todo mundo sempre espera ter condições para arcar com aquelas despesas anuais que vão além das contas simplesmente: ter dinheiro para presentear os entes queridos e amigos em aniversários, casamentos, formaturas, Natal, Páscoa e até no Ano Novo. Mas é fato que nem sempre o bolso está preparado para tudo o que gostaríamos de fazer.

Quando o orçamento aperta, pode ser necessário fazer empréstimos em datas especiais ou depois, para cobrir os gastos que excederam. Inclusive, há algumas ocasiões em que as próprias instituições financeiras criam produtos com este intuito, oferecendo crédito extra para férias e épocas de festividades. No entanto, nem sempre estas opções oferecem as melhores condições (em longo prazo, os juros podem ser altos, por exemplo).

Quando vale a pena fazê-los?

Contudo, não significa que não vale a pena fazer empréstimos em datas especiais. Significa apenas que você deve se atentar às melhores escolhas antes de fechar um acordo.

“Será que o que tenho é o suficiente?”

Fazer empréstimos em datas especiais pode valer a pena não só para épocas em que estamos precisando totalmente de dinheiro para comprar um presente ou fazer uma comemoração de natal, ano novo e demais ocasiões para reunir amigos e chamar a família toda pra festa. Pode ser útil também para os casos em que até temos uma certa quantia, mas gostaríamos de fazer mais e esse dinheiro não é o suficiente para todos os planos.

Por isso, neste post, falaremos um pouco sobre os empréstimos em datas especiais para se conseguir um objetivo específico como estes. Que podem envolver não só finalidades de presentear, como também viajar, visitar amigos em feriados prolongados, passar o natal, o ano novo na companhia de familiares que nem sempre moram perto, comprando o que você quer e precisa sem maior limitação.

Como definir o melhor empréstimo?

A seguir, acompanhe algumas dicas valiosas para estes momentos em que, muitas vezes, as pessoas necessitam comprar um presente ou fazer compras grandes para si próprias. Em que o empréstimo pode ser uma ótima solução, desde que feito da melhor forma.

O melhor empréstimo é aquele que, desde que intermediado por uma empresa de confiança, ofereça as condições mais facilitadas e vantajosas. Tanto para aquisição quanto para pagamento da dívida.

Oferecendo, assim, oportunidades mais próximas de suas condições. De preferência, trabalhando com um sistema de juros que não seja proibitivo, como a maioria, infelizmente, costuma ser.

Em datas especiais vs. Para datas especiais

Embora tudo pareça o mesmo, pode haver problemas se não soubermos diferenciar algumas coisas. Empréstimos em datas especiais são ótimas soluções quando precisamos de crédito pessoal ou crédito extra para realizar algum projeto, sem necessariamente declarar ou justificar sempre para que vamos usá-lo.

Ainda que esta informação, em alguns casos, seja útil para definir condições de negociação ou valor do empréstimo, às vezes é dispensável, dependendo da empresa que concede ou viabiliza o empréstimo. Dentre as opções de empréstimo disponíveis, pode haver, muitas vezes, alguma específica, como “empréstimo para férias”.

Mas aqui nos referimos àquelas oportunidades esporádicas que podem fazer uma propaganda bastante atrativa, mas “esconder” algumas ciladas. É necessário ver se não estão trabalhando sob condições “oportunistas”.

“Juros abusivos. Sim eles existem!
E os bancos adoram se aproveitar de pessoas que precisam.”

Justamente por saber que se trata de um momento especial e único, em que você não vai querer nem deixar passar em branco de nenhuma forma, que algumas empresas podem trabalhar com juros abusivos ou mais altos do que você imaginava. Por isso, empréstimos em datas especiais devem ser muito bem analisados.

Analise criteriosamente os tipos de empréstimos disponíveis

O ideal é tentar recorrer a empréstimos em datas especiais neutros ou créditos que, ainda que especificados para viagens ou férias, por exemplo, obedeçam às mesmas condições “invariáveis”. Existem diversas opções tradicionais disponíveis.

Crédito pessoal no banco em que se tem conta corrente, empréstimo consignado (aquele que é descontado diretamente de quem é assalariado, no holerite) ou em financeiras, por exemplo. No entanto, a maior parte delas trabalha com juros altos e, em caso de atraso nas parcelas e demais condições específicas, podem acarretar em custos ainda maiores para quem toma o empréstimo. Por isso, é necessário avaliar cuidadosamente os tipos e as condições contratuais dos empréstimos em datas especiais antes de adquiri-los, para evitar “surpresas” desagradáveis depois de pagar e perceber que ainda deve mais do que pensava.

Escolha opções inovadoras com taxas de juros menores

Sabemos que a parte pior de fazer empréstimos em datas especiais é sempre esta: o montante de juros ao final do pagamento. Às vezes diluídos ao longo das parcelas, tornam a proposta atrativa, mas uma simples conta nos permite ver o quanto vamos desembolsar de juros em maior prazo, o que pode desencorajar e impedir a realização do empréstimo.

Opções inovadoras, como empréstimos em datas especiais realizados pela BTCjam em Bitcoins (leia mais aqui) podem oferecer taxas de juros mais baixas e vantagens extras. Menos burocracia para conseguir seu empréstimo, rapidez (o que pode vir a calhar nestas datas específicas em que temos de arranjar dinheiro de última hora para presentear em dia ou não perder ocasiões especiais) e facilidade para pagar. Como se simplesmente fosse fazer isto dando o dinheiro diretamente para quem emprestou, sem a intervenção de bancos ou pagamentos de taxas administrativas a mais por este serviço.

Já conhece ou experimentou uma opção diferente assim? Já pensou em fazer empréstimos em datas especiais, para poder aproveitar melhor estes momentos? Sabe qual é a melhor forma de fazê-los, com ótima relação custo x benefício? Comente sua opinião e sua experiência abaixo e até o próximo post!